Nome sujo. Mais de 40% da população adulta brasileira, está com dívidas atrasadas e CPF negativado, só neste mês de abril/19.

É um novo recorde. 63,2 milhões de brasileiros endividados.

Um aumento de 2 milhões e pessoas em relação ao mesmo mês de 2018.

As informações foram divulgadas nesta quinta-feira (6), pela Serasa Experian. A maioria das dívidas em abril foram feitas no cartão de crédito e com os bancos, representando 28,6% do total.

O Serasa adverte que esse crescimento demonstra a dificuldade em honrar um tipo de pagamento que costuma ser prioridade das famílias e que isso é um sinal de que as pessoas já tomaram crédito para quitar outras dívidas e chegaram no ponto de não conseguirem pagar nem este empréstimo.

Os setores que estão concentradas as dívidas dos brasileiros são os Bancos e cartões: 28,6%, Utilidades: 20,2%, Telefonia: 12,1%, Comércio: 11,7%, Serviços: 10,5%, Financeira/Leasing: 10,1%, Outros: 6,8%.

O estado que se concentra o maior número de o maior percentual da população adulta endividada: Roraima 59,87%, em seguida, estão Amapá (52,4%) e Amazonas (50,6%).

Na outra ponta, Santa Catarina (33,1%), Paraíba (33,6%) e Piauí (34,4%) têm os menores percentuais de pessoas endividadas.

Fonte: Uol Economia