IBAMA-ES realiza operação de verificação de cargas de Produtos Químicos Perigosos na BR-101
IBAMA-ES realiza operação de verificação de cargas de Produtos Químicos Perigosos na BR-101

O Ibama, em parceria com Polícia Rodoviária Federal (PRF), a Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT), a Secretaria de Estado da Fazenda do Espírito Santo (Sefaz/ES), o Instituto Estadual de Meio Ambiente e Recursos Hídricos (IEMA/ES), realizou em Espírito Santo (ES) operação de verificação de cargas de Produtos Químicos Perigosos.

A ação foi realizada entre os dias 19 a 23 de agosto, no perímetro da BR-101, que resultou em notificações e aproximadamente R$ 100.000,00 (cem mil reais) em autuações.

A ação fiscalizou autorizações interestaduais, a qualidade do Agente Redutor Líquido de Óxido de Nitrogênio Automotivo (Arla) 32 e informações do Cadastro Técnico Federal de Atividades Potencialmente Poluidoras e/ou Utilizadoras de Recursos Ambientais (CTF/APP).

O Arla 32 é uma solução usada para controlar a emissão de gases, principalmente óxidos de nitrogênio (Nox), por veículos com motores a diesel. Desde 2012, o uso do A​rla 32 é obrigatório junto ao Sistema de Redução Catalisadora (SCR), o que permite que os limites de emissão de poluentes estabelecidos pelo Conselho Nacional do Meio Ambiente (Conama), sejam cumpridos.

O (CTF/APP) é o registro obrigatório de pessoas físicas e jurídicas que realizam atividades passíveis de controle ambiental, neste aspecto tem-se a importância da verificação da documentação para garantia ambiental das substâncias/produtos transportados.