Iniciativas são lideradas pela Usina Paineiras com a Coafocana

Três iniciativas vão desenvolver ainda mais a produção de cana-de-açúcar no litoral Sul capixaba ao longo de 2020. Elas são lideradas pela Usina Paineiras em parceria com a Coafocana (Cooperativa dos Fornecedores de Cana-de-Açúcar) e devem apresentar seus primeiros resultados nesse mesmo ano.

Uma das iniciativas é a implantação de seis viveiros de novas variedades de cana-de-açúcar. A implantação já começou e as primeiras mudas devem ser disponibilizadas para os produtores a partir de 2021. Ao longo de 2020, as mudas serão desenvolvidas e testadas para que, quando forem disponibilizadas aos produtores rurais da região, já estejam bastante adaptadas às condições precisas do clima e do solo do litoral sul. O objetivo da Usina e da Coafocana, com essa iniciativa, é favorecer a diversificação e a atualização do plantel canavieiro da região.

Outra iniciativa é a realização das novas edições dos programas de apoio aos produtores de cana-de-açúcar pelas prefeituras locais. Itapemirim já confirmou que realizará a segunda edição do seu programa em 2020, e Presidente Kennedy também se comprometeu a realizar algo similar – cada uma com suas particularidades, mas ambos com a perspectiva de apoiar a produção de até 1.000 hectares de plantação cada, com foco em apoiar a agricultura familiar. Para os produtores do município de Marataízes a Usina e a Coafocana, por sua conta, implementarão um programa de fomento, ainda mais modesto que os das outras duas Prefeituras.

A terceira iniciativa é a oferta de orientações especializadas e gratuitas aos produtores rurais, nas próprias lavouras, por um dos mais reconhecidos produtores de cana-de-açúcar do estado de São Paulo. Algumas já foram realizadas em 2019 e outras serão realizadas no primeiro semestre de 2020.

“Como a Usina Paineiras não planta mais cana-de-açúcar, ela depende diretamente do sucesso dos plantios pelos fornecedores de Marataízes, Itapemirim e Presidente Kennedy. Estamos dedicados a apoiá-los para que entreguem mais cana-de-açúcar, com melhor qualidade, fazendo com que também possam conseguir, assim, melhor remuneração pelo seu trabalho”, explica o Diretor Superintendente e de Negócios da Usina Paineiras, Antonio Carlos de Freitas.

Fonte: Jornal Fato