Inscrições encerradas e muita expectativa para a prova que será realizada na área da Usina Paineiras, em Itapemirim
Corredores do Sul do estado em dia de treinamento no local aonde será realizada a Maratona Sul Capixaba.

Provas de 7, 21 e 42 quilômetros fazem parte primeira maratona oficial no Sul do Espírito Santo, a Maratona Sul Capixaba. O evento será realizado no próximo dia 27, em Itapemirim, com percurso na zona rural, dentro da área da Usina Paineiras. As 250 inscrições abertas já foram preenchidas e a procura por vagas continua.

Além de viabilizar a participação dos maratonistas da região, a competição pretende atrair pessoas de outros estados e estimular corredores amadores, que, até então, só participavam de provas menores.

Inscrições encerradas e muita expectativa para a prova que será realizada na área da Usina Paineiras, em Itapemirim

Terreno plano e arborizado

“Buscamos uma área de fácil acesso, com terreno plano, arborizado e longe do trânsito urbano. Os corredores já treinam no local e estão animados para conhecer o circuito preparado. Alguns estão tendo a oportunidade de participar de uma maratona pela primeira vez”, conta um dos idealizadores do evento, Elimário Venturim, dentista e corredor há seis anos.

Regulamentada pela Confederação Brasileira de Atletismo, a Maratona Sul Capixaba surgiu do sonho de um grupo de maratonistas e está sendo realizada pela RS Runners, em parceria com Édipo Running e Usina Paineiras. O evento não tem fins lucrativos. A taxa de inscrição cobrirá os custos de estrutura, camisas e medalhas.

Percurso da Competição

O percurso será realizado em um circuito de 7 quilômetros, onde os competidores da prova de 7 quilômetros irão percorrer uma volta, os de 21 quilômetros, três voltas e, os de 42 quilômetros, seis voltas. Praticamente todo o trajeto fica dentro da área da Usina Paineiras, exceto por um trecho de 750 metros que pertence ao acostamento da rodovia ES 490.

“Incentivar o esporte em nossa região é a principal meta da iniciativa. A corrida de rua é uma modalidade popular e acessível, que promove qualidade de vida e estimula o contato das pessoas com o meio ambiente, o que, naturalmente, promove conscientização ambiental. Próximo ao local da prova, os competidores poderão ver um dos maiores fragmentos de Mata Atlântica no Sul do estado, a Mata do Ouvidor, preservada pela Usina Paineiras desde a sua fundação”, lembra o diretor Superintendente e de Negócios da Usina Paineiras, Antonio Carlos de Freitas.